Um mestre obscuro

Querido para mim é meu sono, e mais sê de pedra, enquanto o erro e a vergonha ficam: não ver, não sentir, grande sorte para mim; porém, não me desperte, silêncio! Fala baixo.

the_creation_of_adam Michelangelo

Anúncios

Canta Clara, canta pros orixás

Canta pros corações apaixonados, canta pros corações partidos!

Você Passa Eu Acho Graça

Clara Nunes

Quis você pra meu amor
E você não entendeu
Quis fazer você a flor
De um jardim somente meu
Quis lhe dar toda ternura
Que havia dentro de mim
Você foi a criatura
que me fez tão triste assim

Ah, e agora, você passa,
eu acho graça
Nessa vida tudo passa
E você também passou
Entre as flores, você era a mais bela
Minha rosa amarela
Que desfolhou, perdeu a cor

Tanta volta o mundo dá
Nesse mundo eu já rodei
Voltei ao mesmo lugar
Onde um dia eu encontrei
Minha musa, minha lira,
minha doce inspiração
Seu amor foi a mentira
Que quebrou meu violão

Ah, e agora, você passa,
eu acho graça
Nessa vida tudo passa
E você também passou
Entre as flores, você era a mais bela
Minha rosa amarela
Que desfolhou, perdeu a cor

Seu jogo é carta marcada
Me enganei, nem sei porquê
Sem saber que eu era nada
Fiz meu tudo de você
Pra você fui aventura
Você foi minha ilusão
Nosso amor foi uma jura
Que morreu sem oração

Ah, e agora, você passa,
eu acho graça
Nessa vida tudo passa
E você também passou
Entre as flores, você era a mais bela
Minha rosa amarela
Que desfolhou, perdeu a cor

Fernando Pessoa e Bethania: uma dupla separada pelo tempo e unida pela Arte de tocar o espírito humano

Quanto a mim o amor passou…

Eu só lhe peço que não faça…

Como gente vulgar…

E não me volte à cara quando passa por si…

 Nem tenha de mim uma recordação em que entre o rancor…

 Fiquemos um perante o outro…

 Como dois conhecidos desde a infância…

 Que se amaram por quando meninos…

 Embora na vida adulta sigam outras afeições…

 Conservam nos caminhos da alma…

A memória de seu amor antigo…

 E inútil…

Seja homônimo ou heterônimo, conchecia os sentimentos humanos como poucos!

 

A Mitologia dos Cavaleiros do Zodíaco

   Que eu adoro Cavaleiros do Zodíaco, é ponto pacífico, adoro mesmo, acho uma das mais belas estórias criadas, possui enredo, sensibilidade, e é claro exigiu de seu  autor  Masami Kurumada um estudo aprofundado da mitologia grega. O que vou contar é um pouco desta que considero uma das minhas paixões.

    Toda a primeira fase do desenho é voltada no fortalecimento dos laços entre os cavaleiros de bronze, centrados na figura de Seya de Pégasus, um cavaleiro que por amor à Atena atingiu a divindade, e luta junto à deusa desde as eras mitológicas. Ele e um grupo de crianças órfãs são cuidados por uma instituição que secretamente os estava treinando desde criança para se tornarem cavaleiros.

 

    Durante esta primeira fase chamada de o Torneio Galáctico, os cavaleiros de bronze lutam pela posse da armadura de Sagitário, que foi dada a Mitsumasa Kido, um rico industrial japonês durante uma viagem à Grécia. Ayoros, o cavaleiro de Sagitário, mortalmente ferido, entrega a Mitsumasa a armadura e uma criança. Enquanto agoniza ele revela que aquela não é uma criança qualquer, mas a reencarnação da deusa Atena, mandada por Deus à Terra em seus momentos mais negros e que brevemente bravos guerreiros se uniriam ao seu redor para protegê-la.

    A segunda fase do seriado apresenta os Cavaleiros de Prata. Infinitamente mais fortes do que os cavaleiros de bronze, estes são manipulados pelo Mestre do Santuário, na verdade Saga de Gêmeos dominado por seu lado negro. Usando inclusive de um golpe capaz de controlar mentes, o Satã Imperial, convence todos os cavaleiros do Santuário da Grécia, lar da deusa Atena, que esta estaria em seus aposentos bem guardada. Ele se utiliza de todo o poder do santuário e de seus cavaleiros para matar a verdadeira deusa e seus cavaleiros protetores. Na verdade seu intento era assassiná-la enquanto bebê, o que provocou a fuga e a morte de Ayoros.

    Em um dos ataques contra os cavaleiros, a amazona Shina de Cobra confessa seu amor a Seya, enquanto um cosmo poderoso chega do Santuário e o ataca. É Ayolia, o cavaleiro de Leão. Neste momento a armadura do irmão de Ayolia, Ayoros materializa-se e cobre o corpo de Seya, protegendo-o, o que deixa Ayolia confuso a respeito de sua missão.

    Derrotados os Cavaleiros de Prata, Atena segue até o Santuário para exigir seu posto. Lá chegando é atingida por uma flecha que em 12 horas atingirá seu coração. Para salvá-la os Cavaleiros devem atravessar as doze casas do zodíaco, guardadas pelos cavaleiros de ouro e refletir a luz do escudo de sua armadura sobre seu corpo.

    Uma a uma as casas vão ficando para trás, à custa de um enorme esforço dos cavaleiros de bronze, crianças de 13 a 15 anos enfrentam poderes que ultrapassam a velocidade da luz. Aquilo que dá poder aos cavaleiros, o cosmo, vai aumentando conforme cada vitória. Deste modo os cavaleiros se tornam guerreiros poderosos, faltando apenas um passo para se tornarem semelhantes em poder aos cavaleiros de ouro, o chamado sétimo sentido.

    Todos os cavaleiros recebem um treinamento especial para manipularem o cosmo, que é a força surgida a partir do Big Bang, e que poderia ser controlada por certos indivíduos especiais guiados por suas constelações protetoras. Seya de Pégaso recebe seu treinamento de Marin de Águia no Santuário da Grécia. Shiryu de Dragão recebeu seu treinamento com o velho Mestre Ancião dos Sete Picos de Rohan, na verdade um dos sobreviventes da última guerra santa, Dohko, o Cavaleiro de Libra, contada já na tão popular série “The Lost Canvas”. Shun de Andrômeda recebeu seu treinamento nas Ilhas de Andrômeda com Albiore (ou Albion) de Cefeu, um Cavaleiro de Prata que igualava em poder aos cavaleiros de Ouro, assassinado pelos Cavaleiros de Ouro Milo de Escorpião e Afrodite de Peixes sob o comando do Mestre do Santuário, pois este desconfiava que Atena não se encontrasse sob sua proteção. O Cavaleiro Ikki de Fênix foi treinado pelo Cavaleiro do Diabo, na ilha da Rainha da Morte, lar dos Cavaleiros Negros que aparecem na primeira fase da série. Ikki é quase levado à loucura por seu mestre, que mata sua própria filha, a grande paixão de IKKI  para despertar completamente seu cosmo. Por fim temos o Cavaleiro de Cisne, Yoga, um paradoxo entre a série e o manga. Yoga, Cavaleiro de Cisne originalmente treinou com Camus de Aquário no Norte da Sibéria, no entanto na série da TV, ganhou um novo mestre chamado de Cavaleiro de Cristal, este então o verdadeiro discípulo de Camus.

    Entre outros cavaleiros de ouro que desempenham papel na saga destacam-se Mu de Áries, Aldebaram de Touro, Máscara da Morte de Câncer, Ayolia de Leão, Shaka de Virgem, a encarnação do Buda Na Terra, e Shura de Capricórnio.

   

    Vencida a batalha contra a parte maligna de Saga de Gêmeos, as armaduras dos cavaleiros destruídas na batalha das doze casas são revividas pelo sangue dos cavaleiros de ouro.

    Após a batalha das doze casas, Atena é raptada por Poseidon, o deus dos mares. Na série da TV se inicia a batalha de Hilda de Polaris de Asgard, a qual farei um comentário à parte em outra oportunidade.

     Atena e Poseidon possuem uma inimizade desde que Atena recebeu a honra de ter seu nome e ser cultuada na cidade grega de Atenas. Conflito este que se prolongou desde a guerra de Tróia aos dias atuais. Não se sabe onde, mas existia uma tensão sexual grande entre eles, e Kurumada trouxe isto ao anime. Julian Solon, filho do dono da maior frota marítima do Mediterrâneo é escolhido por Poseidon para ser seu hospedeiro nesta época. Poseidon permanecia adormecido desde a era mitológica em sua ânfora coberto pelo selo de Atena.

    Antes de ser dominado pelo seu lado negro, há treze anos, Saga de Gêmeos lutou contra seu irmão gêmeo Kanon, pois este ambicionava tomar posse do Santuário. Saga o trancafiou em uma prisão no cabo Sunion, onde as águas quase o afogavam na maré. Ali, sob as cavernas ele descobriu a ânfora de Poseidon, rodeado pela armadura do deus do mar e seus generais chamados Marinas. Kanon desfaz o selo e desperta Poseidon. Sabendo que Atena tinha reencarnado na Terra, ele projetou seu cosmo sobre Julian Sólon e exigiu que Kanon o acordasse somente em treze anos quando Atena estivesse preparada para uma nova batalha.

   

    O prelúdio do despertar de Poseidon são as chuvas torrenciais e enchentes que ocorrem pelo mundo todo. Segue-se o rapto da deusa, pois o rapaz Julian se apaixonou por Atena, até então Saori Kido, neta do magnata japonês. Atena é presa no pilar principal do templo do mar, enquanto o templo enche-se com a água que deveria cair sobre a Terra.

    Os Cavaleiros procuram o Mestre Ancião para saber o acesso ao templo sob os mares. Seya e Shun são os primeiros a chegar e encontram Tetis de Sereia. Um a um os Cavaleiros se dirigem às colunas do templo de Poseidon, cada uma guardada por um General Marina. Nesta nova batalha enfrentam Bian de cavalo Marinho no Pilar do Pacífico Norte; Io de Scylla guardião do Pilar do Oceano Pacífico Sul; Krishna de Chrysaor, guardião do Pilar do Oceano Índico; Kasa de Lymnades, guardião do Pilar do Oceano Antártico; Isaak de Kraken, guardião do Pilar do Oceano Ártico; Sorento de Sirene, guardião do Pilar do Oceano Atlântico Sul; Kanon de Dragão Marinho, guardião do Pilar do Oceano Atlântico Norte. Somente com estes pilares destruídos se poderia quebrar o pilar principal do templo.

    Nesta batalha além de Seya, Hyoga e Shiryu vestem as armaduras de Sagitário, Aquário e Libra, libertam Atena e usando seu cosmo conjunto colocam Poseidon para adormecer mais uma vez. Da batalha sobreviveram Kanon, que enfrentou Ikki de Fênix, que reconheceu seu cosmo como de seu irmão gêmeo Saga, Tetis e Sorento.

    Brevemente postarei sobre a última fase a batalha de Hades, a fase mais perigosa e bela de todas. Também falarei sobre o cosmo, golpes dos cavaleiros e outras coisas que fizeram desta série uma das mais assistidas de todos os tempos.

O Mágico de Oz – O final alternativo

Não é nenhum segredo que eu adoro o filme o Mágico de Oz, assim como diversos filmes antigos como E o Vento Levou e outros. Meu amigo Fabiano da livraria Shangri-lah me enviou este final alternativo feito pela rede americana MadTV. Curti muito e coloco aqui pra todo mundo ver!